Disciplinas do Núcleo Básico
 Nome Ementa
Algoritmos e estruturas de dados Fornecer uma visão formal e sistemática dos conceitos básicos de modelos de computação, linguagens formais e algoritmos. Introduzir o conceito de estrutura de dados. Apresentar as principais estruturas de dados lineares e não lineares e discutir suas aplicações. Introduzir os principais algoritmos de ordenação e manipulação de estruturas de dados. 
Fundamentos de banco de dados Conceitos fundamentais de bancos de dados. Modelos de dados e linguagens. Projeto de bancos de dados. Componentes de um sistema de banco de dados: processamento de consultas, recuperação de falhas e controle de concorrência.
Análise Estatística de Dados e Informações Análise descritiva, classificação, análise e interpretação de informações univariadas e multivariadas, modelos e técnicas Box-Plot, avaliação de outliers. Análise de variáveis aleatórias contínuas e discretas. Noções de amostragem, medidas de posição e dispersão. Probabilidade, principais distribuições discretas e contínuas, inferência estatística e intervalos de confiança. Teste de hipóteses e testes não paramétricos. Modelos de análise de variância, teste F e Qui-quadrado. Regressão e Correlação.

 

Mineração de

Dados

Conceituação de mineração de dados e de texto. Modelo de referência CRISP-DM. Técnicas para pré-processamento de dados. Algoritmos de mineração de dados. Métodos de avaliação. Ferramentas para mineração de dados. Estudo de caso.

 

Fundamentos

em Pesquisa

Operacional

Conceituação de pesquisa operacional. Noções de programação linear, programação não linear, processos estocásticos, teoria de filas, e simulação.
Gestão de projetos Gerência de projetos; gerência de riscos; organização de projetos; controle, medição e acompanhamento de projetos; revisão e avaliação de projetos (satisfação dos clientes, performance, etc.); alinhamento da infraestrutura de TI com a organização; técnicas para gerenciamento de projetos (PMBOK, SCRUM, etc.); governança de TI.

 

Disciplinas da linha de Infraestrutura de TI
Nome Ementa
Redes de Acesso A Padronização IEEE 802, Fundamentos de transmissão sem fio, Redes de celulares, Padrão 802.11, WiMAX, Protocolos da Arquitetura Internet, Protocolos de Acesso Remoto.
Convergência de Redes Qualidade de Serviço. Mecanismos de gerenciamento de tráfego; roteamento pontomultiponto (multicast) e difusão (broadcast). Protocolos da camada de aplicação para suporte a aplicações multimídia. Redes peer-to-peer. Redes ópticas. Redes sem-fio. Convergência de Serviços.
Armazenamento e Gerenciamento de Informações Maneiras de utilizar sistemas de armazenamentos em diversos tipos de ambientes; Sistemas de armazenamento inteligente; Opções e Protocolos de Armazenamento (SCSI, DAS, SAN, NAS); Virtualização de Armazenamento de dados e formas de virtualização; Backup e restauração de dados; Sistemas Tolerante a Falhas; Segurança e Administração.

Tópicos em Sistemas Distribuídos

Introdução; Comunicação em sistemas distribuídos; Serviço de nomes; Sincronização; Consistência e replicação; Sistemas de arquivos distribuídos; Sistemas Distribuídos baseado na Web; Cluster e Grid Computing; Estudo de Caso.

Tópicos Avançados em Infraestrutura de TI

Tópicos de interesse atual em pesquisa e desenvolvimento em Infraestrutura de TI.
Pesquisa em Infraestrutura de TI Fundamento metodológicos sobre elaboração de dissertação. Orientação científica. Supervisão e apoio do orientador para a elaboração do plano de trabalho do aluno.

 

Disciplinas da linha de Engenharia de Software
Nome Ementa
Engenharia de Requisitos Fundamentos da engenharia de requisitos; restrições de desenvolvimento, requisitos funcionais e não funcionais; processos de engenharia de requisitos (definição de escopo, identificação, elicitação, especificação, avaliação e rastreabilidade de requisitos); notações para especificação de requisitos (casos de uso e estórias dos usuários); técnicas formais para especificação de requisitos.
Arquitetura e Desenho de Software Visões arquiteturais; estilos e padrões arquiteturais (camadas, pipes and filters, MVC, message bus, SOA); padrões de projeto; notações usadas no desenho de software (UML, ACME); questões essenciais no desenho de software (distribuição, integração, tolerância a falhas); análise e validação de conformidade da arquitetura de software.
Construção de Software Fundamentos da construção de software (acoplamento, antecipação de mudanças, verificação e testes); principais decisões relacionadas a construção; construção de código com qualidade (desenho detalhado de software, programação defensiva); construção de código seguro; melhoria de código e refatoração; desenvolvimento dirigido a testes.

Verificação, Validação e Testes de Software

Fundamentos dos processos de verificação, validação e testes; técnicas de verificação e validação de qualidade (inspeção, revisão em pares, auditorias); testes e análise estática da qualidade; níveis de testes (unitário, integração, sistema e aceitação); técnicas de testes (baseadas em especificações, baseadas em código, baseadas em modelos de falhas, etc.); modelos de qualidade e características; normas de qualidade e maturidade em software (MPS.BR, ISO 9126, CMMI); garantia de qualidade de software; qualidade dos artefatos de testes.

Tópicos Avançados em Engenharia de Software

Tópicos de interesse atual em pesquisa e desenvolvimento em Engenharia de Software.
Pesquisa em Engenharia de Software Fundamento metodológicos sobre elaboração de dissertação. Orientação científica. Supervisão e apoio do orientador para a elaboração do plano de trabalho do aluno.

 

Disciplinas da linha de Gestão de Riscos
Nome Ementa
Governança Nessa disciplina o aluno conhecerá a Matriz de forma e tangibilidade de objetos de valor. Estudará a proposta de valor de gestão de risco, ERM (Enterprise Risck Management). O modelo em questão abrange dois aspectos de avaliação de riscos: a) Ativos Tradicionais com avaliação dos modelos de regulação de risco monetário e físico, e confiabilidade com aprendizado das técnicas FTA, FMEA e ETA (Árvore de Decisão), e b) Capital Intelectual em modelos de risco, Sistemas e Processos da Organização e nos Relacionamentos com Fornecedores e Clientes. Avaliação das Normas ISO 26000 e ISO 31000.
Gestão de Riscos de Ativos Físicos e Financeiros Conceitos de Macroeconomia: Política Fiscal, Cambial e Monetária. Mercado financeiro e Mercado de Capitais. Regulação Bancária e Risco Operacional, de Mercado e de Liquidez. A estrutura analítica como organizadora de custos; custos diretos e indiretos, fixo e variável; estimativas; cronograma financeiro; Trade-offs; prazo-custo: algoritmo de Crash; curva S e EVA; valor agregado; fluxo de caixa; juros simples e compostos; valor temporal do dinheiro; valor atual, valor futuro, benefício anual equivalente; inflação; depreciação e imposto de renda; viabilidade econômica: certeza e incerteza e comparação de alternativas.
Modelos de Tomada de decisão e Gestão de Desempenho Aferir o desempenho da gestão das organizações por meio de critérios avaliativos condizentes com a situação real do problema estudado e que tem como conseqüência um conjunto de soluções numéricas que auxilia na tomada de decisão. Capacitar na construção de modelos avaliativos capazes de diagnosticar a problemática dentro da organização e que apresenta resultados quantitativos, utilizando as metodologias e modelos de Simulação, Análise Envoltória de Dados e Análise Multicritério de Apoio à Decisão – MCDA construído com base na tendência epistemológica de Piaget e sua visão construtivista.

Gestão de Riscos de Projetos

Fundamentos de gestão de projetos: conceito, tipos, ciclo de vida, processos de gerenciamento, stakeholders, escritórios de projetos, áreas de conhecimento em gestão de projetos. Gestão de riscos de projetos: elaboração, processos de gestão de riscos, e ferramentas. Gestão de mudanças: dimensões e barreiras, entendimento das necessidades, criação e implementação do plano de mudança, revisão dos resultados e ferramentas.

Tópicos Avançados em Gestão de Risco

Tópicos de interesse atual em pesquisa e desenvolvimento em Gestão de Risco.
Pesquisa em Gestão de Risco Fundamento metodológicos sobre elaboração de dissertação. Orientação científica. Supervisão e apoio do orientador para a elaboração do plano de trabalho do aluno.

 

Disciplinas da linha de Mineração de Dados (provável futura linha de pesquisa)
Nome Ementa
Métodos Computacionais Intensivos para Mineração de Dados Métodos não paramétricos e a estatística robusta, a inferência estatística por simulações: verossimilhança, testes e intervalos de confiança de Monte Carlo, Bootstrapping, o método MCMC (Markov Chain Monte Carlo).
Noções Básicas de Seleção de Amostras Amostragem probabilística, amostragem estratificada, uso de variáveis auxiliares na amostragem estratificada, amostragem sistemática, amostragem por conglomerados, planos amostrais complexos, efeitos da não-resposta: métodos de ponderação para a não-resposta.
Mineração de Dados Massivos Conceituação de análise de dados massivos, processamento paralelo aplicado à análise de dados massivos, algoritmos de mineração de dados para análise de dados massivos, algoritmos de mineração de textos para análise de dados massivos, algoritmos de análise de redes sociais para análise de dados massivos, ferramentas para análise de dados massivos, ferramentas para análise de dados massivos, estudo de caso.

Banco de Dados Massivos

Tipos de banco de dados, conceituação de banco de dados não relacionais, banco de dados orientado a coluna, banco de dados orientado a documentos, banco de dados orientado a grafo, banco de dados orientado a chave-valor.

Tópicos Avançados em Mineração de Dados

Tópicos de interesse atual em pesquisa e desenvolvimento em Mineração de Dados.
Pesquisa em Mineração de Dados Fundamento metodológicos sobre elaboração de dissertação. Orientação científica. Supervisão e apoio do orientador para a elaboração do plano de trabalho do aluno.